Wickbold e integrantes do Mulheres em Movimento colaboram com o Programa Ciclo do Bem de Diadema

A ação do Fundo Social doa absorventes femininos e itens de higiene para entidades que atuam com adolescentes no município e luta pela dignidade menstrual

A solidariedade e a vontade de ajudar mobilizaram as participantes do Programa Mulheres em Movimento e a Empresa Wickbold a colaborar com a ação “Ciclo do Bem – Diadema em Defesa da Dignidade Menstrual”, que faz doações de absorventes femininos e itens de higiene para organizações sociais que atendem adolescentes no município.

Três entidades de Diadema: Associação Mãos Pequenas no Eldorado, Lar São José no Campanário e Casa Beth Lobo no Centro, receberam no final de março passado doações de toalhas higiênicas e também de pães, resultado da parceria entre a Prefeitura e a Wickbold.

Para obter os donativos, Wickbold trocou um pacote de pão por uma embalagem de protetor interno. As contribuições, cerca de 200 pacotes de absorventes femininos, vieram das frequentadoras do Mulheres em Movimento e a permuta aconteceu durante a Virada Esportiva, realizada pela Secretaria de Esporte e Lazer, no último dia 9 de março, na Praça da Moça.

No dia da troca esteve presente na Virada Esportiva, Marlize Leiza Souza Maia, representando a Wickbold. As doações aconteceram por meio do “Projeto Wick por Elas”, realizado pela empresa com o objetivo de promover diálogos e ações afirmativas relacionadas ao empoderamento feminino dentro e fora da empresa.

“A Wickbold é uma empresa parceira e a entrega dos alimentos e também dos absorventes trazidos pelas frequentadoras do Mulheres em Movimento é um ato de empatia e uma ação social que faz a diferença. No nosso país, ainda, muitos adolescentes deixam de ir à escola no período menstrual porque não têm condições de comprarem o absorvente”, disse Inês Maria, presidente do Fundo Social de Solidariedade de Diadema que criou o “Ciclo do Bem”.

Lei de proteção – Em 06 de outubro de 2021 foi aprovada a Lei Federal 14.214, que cria o Programa de Proteção e Promoção da Saúde e Dignidade Menstrual. O seu propósito é fomentar a conscientização sobre a normalidade do ciclo menstrual e garantir produtos de higiene para pessoas que menstruam com idade entre 10 e 49 anos. Para ter o benefício, precisa estar inscrito no CadÚnico e entre outros critérios ter renda familiar mensal de até R$ 218 por pessoa.

No ato da entrega dos alimentos e dos absorventes nas entidades acompanharam: a coordenadora de Projetos Helga Helenita Johnson Longo e a diretora do desenvolvimento Econômico Maria Lucilene Novais Nascimento, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho; a diretora de Lazer Luciana Santos e a coordenadora do Programa Mulheres em Movimento Andreia Geraldo, da Secretaria de Esporte e Lazer; e Edson de Oliveira Augusto, representando o Fundo Social de Solidariedade de Diadema.

Quem quiser colaborar com o programa “Ciclo do Bem – Diadema em Defesa da Dignidade Menstrual” é só ligar no telefone (11) 4092-5340, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.

Pesquisar
Veja também:
Já pensou em ser mentora? Fiesp está com inscrições abertas para program...
Bauducco realiza campanha inspirada em Bridgerton
Doritos amplia portifólio com a chegada de Dinamita ao mercado brasileiro
M. Dias Branco adiciona ao portfólio lámen não frito