Notícias

Dieta sem glúten favorece contaminação por arsênio e eleva risco de doenças


Retirar o glúten do cardápio virou moda e a dieta passou a ser adotada não só por quem é celíaco.  Mas, de acordo com um estudo recente, essa dieta aumenta o risco de exposição a componentes químicos que podem causar doenças cardiovasculares, câncer e efeitos neurológicos.

O glúten é uma proteína presente no trigo, centeio, cevada e malte. Ele está presente em todos os alimentos que levam farinha de trigo em sua composição como macarrão, bolos, pães e massas. Mas também aparece na cerveja, no chocolate e algumas sobremesas.

Continue lendo esta matéria na integra.

Fonte: Noticías Uol