Nossos Releases

O segredo da dieta da felicidade: comer sem culpa, mas com equilíbrio

A alimentação equilibrada é um dos grandes pilares de uma vida saudável. Afinal, entre outros benefícios, garante o pleno funcionamento do nosso organismo. O que pouca gente sabe é que ter uma relação saudável com a comida e escolher alguns alimentos específicos podem interferir diretamente no bom humor.

Segundo Mariana Nacarato, consultora em nutrição da Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias e Pães & Bolos Industrializados (ABIMAPI), a composição dos alimentos é capaz de influenciar na produção de neurotransmissores, como a serotonina. Essas substâncias são responsáveis por transmitir os impulsos nervosos para o cérebro e causam as sensações de prazer e bem-estar.

O carboidrato faz parte do principal grupo de alimentos ligados a esta questão. A falta do nutriente no organismo compromete a formação dos neurotransmissores, levando a alterações no humor. “É por isso que as dietas que restringem indiscriminadamente o consumo de pães, massas, biscoitos, arroz, batata, entre outros alimentos desta categoria, podem ter efeito contrário, resultando em compulsão alimentar e alterações psicológicas, como perda de autoestima e mudanças no temperamento”, explica a nutricionista.

Portanto, a sensação de bem-estar em relação à alimentação inclui comer sem culpa e de maneira equilibrada, ou seja, sem exageros. “Quando há um estresse envolvido no momento da refeição por proibição de alimentos ditos ‘vilões’, por exemplo, pode causar preocupação, ansiedade e sensação de privação”, conclui Nacarato.

Abaixo, a especialista destaca alguns nutrientes específicos que estão envolvidos diretamente com o bom humor e em quais alimentos encontrá-los:

  1. Triptofano: aminoácido fundamental para o estímulo e produção de serotonina.

Onde encontrar: leite, queijos, peixes, soja, nozes e banana.

  1. Carboidrato: auxilia o triptofano a atuar de forma eficiente na produção de serotonina.

Onde encontrar: pães, massas, biscoitos, batata e arroz.

  1. Magnésio: mineral que age no hipocampo, uma parte do cérebro que controla o humor.

Onde encontrar: damasco ou figo secos, aveia e farinha integral.

  1. Folato: pertence à família das vitaminas B e quando o nutriente está em falta no organismo, pode desencadear depressão e irritabilidade.

Onde encontrar: espinafre, brócolis e laranja.