Notícias

Setores da indústria mostram sinais de recuperação, diz Receita

Brasília – Alguns setores da indústria começaram a demonstrar os primeiros sinais de recuperação, de acordo com o chefe do Centro de Estudos Tributários da Receita Federal, Claudemir Malaquias.

A arrecadação total com Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) teve queda de 12,24%, mas em alguns setores o recolhimento do tributo já apresenta crescimento real.

A arrecadação com IPI subiu 264,65% no setor de fabricação de alimentos, 72,94% no segmento de veículos automotores (exceto automóveis) e 12,76% na área de produtos de borracha e material plástico.

Já outros setores ainda estão longe de mostrar recuperação. Considerando todo o universo de impostos, contribuições e taxas, exceto receitas previdenciárias, os que mais contribuíram para a redução na arrecadação em janeiro foram o setor de fabricação de produtos de fumo, com queda de 62,94%; combustíveis, com queda real de 22,84%; telecomunicações, com queda de 19,52%; serviços de arquitetura e engenharia, com baixa de 18,95%; extração de minerais metálicos, com queda de 18,68%; e eletricidade, com baixa de 12,56%.

Continue lendo esta matéria.

Fonte: Revista Exame